• thumb image

    Acidente de Trabalho: Uso Indevido de Celular

    Categoria: Trabalhista • quinta-feira, 23 outubro - 2014 •

    Os acidentes com celular não acontecem somente no trânsito. Um dos outros lugares mais comuns onde eles causam tragédias são as linhas de produção de fábricas. Em algumas atividades o uso de celular pode ser tolerado pelo empregador. Entretanto em outros, pelo risco que o desvio de atenção pode causar, o uso pode e deve ser terminantemente proibido.

    Qualquer tipo de descuido pode resultar em ferimentos sérios, cortes na mão ou braços e até mesmo a morte. O problema é que mesmo sabendo disso, alguns operários insistem em arriscar sua vida falando no celular ao mesmo tempo que operam máquinas perigosas.

    Ainda não existem leis que regulem o uso de celulares no trabalho, mas alguns sindicatos da indústria e laborais podem estudar o assunto e criar cláusulas restritivas nos contratos de trabalho quanto ao uso do aparelho em horário de expediente.

    Mesmo que no momento do acidente o aparelho não esteja sendo utilizado, o fato de estar portando e não ter o colocado em local adequado evidencia transgressão as regras de segurança e a empresa que foi diligente na proibição não pode ser responsabilizada.

    O TST recentemente negou o direito a indenização de uma trabalhadora, que foi pegar o seu celular que havia deixado sobre a prensa na qual trabalhava e sofreu lesão na mão. O juiz entendeu que a culpa foi exclusiva da vítima que desobedeceu as ordens.